Um Breve Histórico...

Fundada em 15 de dezembro de 1994, a Oyassui Comércio de Materiais Para Construções Ltda., vem crescendo e se tornando uma referência neste segmento.

A preferência é no atendimento aos clientes localizados na zona sul de São Paulo.

Nosso diferencial é o atendimento, preços atraentes e prioridade nas entregas.

Nossa Missão:

* Garantir a melhor qualidade em atendimento e entrega;

* Encontrar sempre a solução para atender as expectativas e confiança de nossos clientes;

* Satisfazer a necessidade de cada um deles.

Nossa Visão:

* Ser reconhecida como a melhor loja de materiais para construção da região;

* Atingir a excelência em variedades de produtos no ramo de atuação;

* Ter a entrega mais rápida do mercado.

Nossos Valores:

* Valorizar nossos clientes e colaboradores;

* Ter um relacionamento preciso e transparente;

* Trabalhar em equipe.


quarta-feira, 22 de outubro de 2014

Oyassui em parceria com Poupatempo Cidade Ademar!




 Muito agradável poder fazer parte do evento esportivo que envolvem os colaboradores do Poupatempo Cidade Ademar. É com prazer que colaboramos com os uniformes para este campeonato.

quinta-feira, 9 de outubro de 2014

O Direito das Crianças





















"Ser criança é achar que o mundo é feito de fantasias,
Ser criança é comer algodão doce e se lambuzar.
Ser criança é acreditar num mundo cor de rosa.
Cheio de pipocas
Ser criança é olhar e não ver o perigo.
Ser criança é sorrir e fazer sorrir.
Ser criança é chorar sem saber porque.
Ser criança é se esconder para nos preocupar.
Ser criança é pedir com os olhos.
Ser criança é derramar lágrima para nos sensibilizar.
Ser criança é isso e muito mais.
É nos ensinar que a vida, apesar de difícil,
Pode tornar-se fácil com um simples sorriso.
É nos ensinar que criança só quer carinho e afeto.
É nos ensinar que, para sermos felizes,
Basta apenas olharmos para uma criança."

sexta-feira, 5 de setembro de 2014

A Diferença entre "O que se Fala" e "O que se Faz".

A Incoerência Entre o Discurso e a Prática
Escrito por Luiz Marins

Imagem: Internet
Falar é fácil. Fazer é que são elas...” diz o ditado popular. As palavras saem com muita facilidade de nossa boca. Agir é sempre mais difícil. E quando notamos, estamos falando coisas que não fazemos; criticando coisas que igualmente fazemos; apontando o dedo para os erros alheios sem enxergar os que cometemos. A coerência entre o discurso e a prática, entre o que falamos e fazemos é um dos maiores desafios a todos nós - e a nossa credibilidade depende dessa coerência.
Essa incoerência não ocorre apenas nos níveis mais elevados da hierarquia como sempre imaginamos. Sempre criticamos pessoas corruptas, mas será que temos consciência de que somos corruptos ativos ao oferecer uma gorjeta ou propina para ganhar uma vantagem ilícita, como nos livrar de uma multa por excesso de velocidade? E aqui vale o mesmo exemplo: sempre criticamos pessoas que não obedecem o limite de velocidade nas estradas. E nós? Repare que, quando estamos sem pressa e alguém nos ultrapassa o chamamos de louco. Quando estamos apressados e encontramos alguém sem pressa em nossa frente, o chamamos de lesma. 
Outro dia vi uma pessoa reclamando do preço alto dos produtos que comprava. Meia hora depois, sem perceber, ela estava me dizendo que iria aumentar o preço do produto que vende por achar que havia espaço para esse aumento, embora seu lucro já fosse razoável. Da mesma forma, vi um grupo de pessoas chamando alguém de fofoqueira. Mas elas próprias não estavam fazendo fofoca sobre essa fofoqueira?
A verdade é que antes de criticar, falar mal, dar lições de moral, etc. temos que analisar nosso próprio comportamento. Como somos? Como agimos? Talvez nunca consigamos ser 100% coerentes, mas temos que prestar atenção para não cairmos no ridículo de falar uma coisa e fazer outra completamente oposta ao que falamos.
Pense nisso. Sucesso!